Arbitragem filho da puta!
Por flavio castro
Em 10/06/2018, às 18:36:29
Botafogo só empata com o bahia devido à arbitragem

A água começa a chegar ao pescoço.
O Z4 é logo alí.
É hora de voltar a pontuar, vencer!
Vamos pro jogo.

1º tempo
Não dá pra jogar contra o juiz.
Quando o filho da puta de preto quer roubar, quer favorecer uma equipe não tem quem segure.
O primeiro tempo mostrou isso.
Desde o primeiro minuto de jogo, o juiz esqueceu o cartão amarelo contra os jogadores do bahia.
Preferiu a conversa, o pate-papo amigo.
O mesmo critério não foi usado do lado alvinegro.
No primeiro lance de falta, que merecia cartão assim como outras que o juiz não deu contra o adversário, o filho da puta ladrão mandou o amarelo pro Aguirre.
Mesmo com essa proteção da arbitragem, o Botafogo conseguiu abrir o placar.
Macinho, o inútil, cruzou pela direita, o zagueiro tentou rebater, mas a bola sobrou pra Lindoso, que serviu a Kieza só tocar pro gol: Fogão 1x0.
A vantagem no placar fez o Botafogo recuar ainda mais, porque a equipe já jogava explorando o contra-ataque.
Deste momento em diante, Jefferson apareceu em três lances de perigo.
Perigo mesmo era a jogada pela esquerda de ataque do bahia porque Macinho é uma avenida. Não marca ninguém, não sabe sair jogando, só atrasa a bola. Enfim, é um inútil.
O jogo estava no final da primeira etapa, o filho da puta do juiz não amarelando os jogadores do bahia, quando surgiu o lance mais claro da intenção do juiz ladrão: inventou um pênalti pra equipe da casa.
Não satisfeito em dar um tiro livre a seis metros do goleiro, o filho da puta ainda deu cartão amarelo pra Aguirre, o segundo inventado pelo filho da puta.
Em lances como este não há juiz que marque pênalti. E ainda que haja, não há juiz que d~e cartão amarelo, filho da puta!
Resultado, Botafogo com um a menos
O empate aconteceu: gol do juiz filho da puta. Fogão 1x1.
E foi só.
Fim do primeiro tempo.

2º tempo
A segunda etapa a arbitragem seguiu vendo os jogadores do bahia fazerem falta e nada de amarelo.
Mas logo no primeiro ataque, o Botafogo virou o placar.
Valencia recebeu a bola pela direita, cruzou na medida e Kieza deu boa noite: Fogão 2x1.
A vantagem no placar dava certa tranquilidade ao Botafogo, que jogava melhor e até arriscava algum lance de perigo.
Até que numa saída de bola, Marcelo, que entrara no lugar de Lindoso, deu um passe pro adversário, ao tentar sair da defesa.
O lateral avançou e cruzou rasteiro pra chegada de vinícius, que chutou forte: Fogão 2x2.
O jogo seguia a toda, falta contra o Botafogo, mas o cartão do juiz seguia enfiado sabe onde né?
Até que Luiz Fernando recebeu uma falta próximo à entrada da área. Tem amarelo? Claro que não!
Mas tem golaço.
Valencia bateu e colocou a bola onde a coruja dorme: Fogão 3x2.
O placar poderia ter sido ampliado, caso o bandeira, outro filho da puta, tivesse marcado uma falta inexistente numa disputa ombro a ombro entre o zagueiro e Brenner, que entrara no lugar de Kieza.
Mas o filho da puta do bandeira acenou, indicando falta do atacante alvinegro, mesmo nem o zagueiro tendo aceito a perda do lance legal.
Tudo parecia indicar uma vitória épica alvinegra, mas o juiz ainda iria dar sua força pro bahia.
Como? o filho da puta deu 4 minutos de tempo extra!!! Uma barbaridade!
E no último lance da partida, Macinho mostrou mais uma vez o quanto é inútil e deixou um anão cabecear livre, empatando a partida: Fogão 3x3.
A arbitragem agora estava satisfeita!
E foi só.
Fim de jogo.

Melhor em campo: Kieza e Valencia

Como jogaram:

Jeferson (7) participou bem de lances que poderiam terminar em gol do adversário.
Macinho (ZERO) Não é possível este jogador seguir no Botafogo. Entrega tudo! É um zero a esquerda!
Marcelo e Rabello (6,6) Marcelo quase fez contra, mas mostrou sua utilidade em lances nos quais o zagueiro precisa ter velocidade.
Moisés (6) Ganhou todas defensivamente. Foi inútil no ataque.
Matheus Fernandes (7) Muito boa partida. Desarmou, atacou bem e ajudou muito na saída de bola da dfesa.
Lindoso (2) Pouco contribuiu. Marcelo (1) entrou em seu lugar e errou uma saída de bola fatal.
Valencia (8) Grande partida do chileno, coroada com um golaço.
Pimpão (2) Pouco fez. Foi substituído por Luiz Fernando (2) que manteve o ritmo.
Aguirre (zero) Parece que só tem força. Foi expulso injustamente.

Valentim (6) Montou a equipe pra jogar no contra-ataque, mas esqueceu da arbitragem. Se o treinador alvinegro voltar a escalar o Macinho pode pegar o seu boné.

Resumindo:
O Botafogo precisa denunciar esta arbitragem filho da puta.
Uma coisa é o erro eventual, devido ao ângulo em que observa o lance.
Outra bem diferente e só apitar contra o Botafogo.


Saudações alvinegras,
Macau


O CANALBOTAFOGO não se responsabiliza pelos comentários feitos por seus visitantes, bem como é contra qualquer tipo de plágio.

  Envie um e-mail para o colunista

Mostrar comentários:

Total: 15 comentários

Erro mySQL: Column 'id' in where clause is ambiguous