Contratado no início do ano por ter sido um dos destaques da campanha que deu o acesso ao Ceará para a primeira divisão em 2017, Leandro Carvalho não se firmou no Botafogo e retornou ao time de Fortaleza. No clube nordestino, se reencontrou com o bom futebol e vai voltar em alta no ano que vem, quando retornar do empréstimo.

Aposta da diretoria, Leandro Carvalho, de 23 anos, chegou ao clube sob uma expectativa parecida com a que viveu Luiz Fernando, que veio do Atlético-GO. Ao contrário do companheiro, hoje titular, o atacante não conseguiu se adaptar e ainda e teve lidar com lesões.

Logo após sua estreia, em janeiro, teve problemas no pé esquerdo e ficou mais de um mês fora. Em abril, teve lesão no joelho direito e precisou operar o menisco. Como apareceram muitos problemas, retornar a Ceará pareceu uma boa oportunidade para clube e jogador.

— A liberação foi por um somatório de situações. E entendemos que a relação com o clube não estava acontecendo como o esperado e deveríamos permitir que ele retornasse para um lugar onde ele e sua família já haviam vivido para tentar um recomeço — disse o gerente de futebol Anderson Barros, na época da negociação.

Pelo Botafogo, Leandro atuou em apenas quatro jogos, dois deles como titular, e não marcou nenhum gol. Desde que retornou ao Ceará, em julho,esteve em campo onze vezes, dez como titular, e fez três gols.

Se não chegou a balançar as redes com a camisa do Botafogo, pelo Ceará conseguiu marcar em rivais do Alvinegro. Flamengo e Fluminense foram vítimas recentes do atacante, que vem sendo peça importante do Vozão na luta contra o rebaixamento.

No início do ano, o Botafogo compro 50% dos direitos de Leandro Carvalho e tem contrato até o fim de 2020.

Fonte:Extra Online