Fórum CANALBOTAFOGO
Tópico de discussão

 
Páginas:
lscunha
  Goleiros

Desde 12/2007 • 12 anos de CANAL
Blumenau/SC

Garrincha


Em 10/08/2020 às 09:11

9.1 - GOLEIROS

Um goleiro deve ser alto, entre 1.85 e 1.95m.

Goleiros menores que a altura mínima estabelecida, devem possuir uma impulsão tão elevada que compense esse inconveniente, assim como goleiros acima da altura máxima devem possuir uma agilidade espetacular para fazer frente as situações de finalizações rasteiras.

Antes de falarmos sobre o seu treinamento específico, nesta posição específica, há algumas conceituações importantes de serem dissecadas e começamos pela anatomia.

Um a baliza de futebol é ilustrada abaixo com suas dimensões, assim como as medidas da pequena área, da grande área, distância da marca penal e raio da meia lua da área, conforme as seguintes medidas_

- Altura da baliza de gol: 2.44m

- Largura da baliza de gol: 7.32m

- Espessura das traves da baliza: máximo de 12 cm e mínimo de 10 cm

- Comprimento oficial do campo de jogo: entre 90 e 120 m

- Largura oficial do campo de jogo: entre 45 e 90m

- Altura da pequena área: 5.50m

- Largura da pequena área: 18.56m

- Altura da grande área: 16.50m

Isto posto, vamos tomar como nosso padrão ideal de altura de um goleiro, a medida de 1.93m.

Pelo padrão antropológico estabelecido mundialmente, a envergadura proporcional a à altura se obtém dividindo a mesma por 1.06 no caso dos homens e por 1.03 no caso das mulheres e assim, um homem com a altura de 1.93m teria o alcance de envergadura de 1.82m

Já seu alcance com os braços estendidos na vertical seria de 2.2315m, segundo a tabela antropométrica.

Vamos considerar que segundo essa mesma tabela   que estabelece o impulso de uma pessoa normal na vertical é de 0.60m e vamos adotar que um atleta normalmente alcança em média 0.80m, teríamos um alcance vertical total de 3.0315 e esse número é que adotaremos como alcance médio para todas as direções, embora através de exercícios específicos, possamos dar um ganho de pelo menos mais 0.10m no caso dos goleiros.

Outro ponto a se considerar seria a base da impulsão e no caso dos saltos inclinados ou horizontais, o recurso de efetuar a impulsão com o pé que se desloca da base para junto daquele que permanecerá fixo, que é exatamente o do lado que a finalização está endereçada, nos leva a outro cálculo.

Um goleiro de 1.93m de altura, tem seu ponto de base adequado com uma distância entre pés de lado externo a lado externo de 0.73m. o que da marca de centro da linha de gol ente as duas traves verticais da baliza, lhe permitirá um alcance de salto da ordem de 3,76m de alcance, se executado com a técnica adequada, mas temos que retirar desse cálculo a metade da distância entre as pernas (0.365m) e mais a largura do pé fixo, que calculamos ser em torno de 0,10m e logo esse valor de alcance real seria o de 3.295m

Como a distância do centro da linha para cada trave é de 3.66, se conclui que nosso goleiro numa cobrança de penalidade máxima, estaria distante 0.365 de distância da trave vertical.

Vamos então introduzir nesse cálculo o valor do diâmetro de uma bola oficial de jogo, que é de 0.22m e assim teremos um valor em aberto de 0,145m e esse o ganho que se tem que se atingir nos treinamentos.

Há, no entanto algumas outras coisas a considerar e vamos começar pela posição mais adequada de um goleiro.

A primeira adequação e daí a importância de se marcar de forma a não esburacar o terreno de jogo, o centro exato do meio da risca de gol e para isso se pode usar um spray de tinta fixa.

E qual a importância disso

É que o ângulo formado pelo centro da bola no ponto em que está, com a base das duas traves, tem como sua bissetriz a linha reta entre esse ponto a bola e o ponto central dessa linha de gol e é sobre essa imaginária, mas calculada visualmente diretriz, que o goleiro deve se movimentar em seu acompanhamento das jogadas do ataque adversário.

E aí vem a pergunta: mas a que distância dessa linha? Aquela que anula esse espaço de não alcance de 0.145m, o que se consegue se adiantando um pouco de modo que o triângulo retangular formado pela hipotenusa (distância da bola ao pé da trave), o cateto maior (distância do centro da bola até o goleiro), forneçam um cateto menor, que é a distância que terá que cobrir no caso dos saltos laterais, o que pode arte ser facilmente calculado matematicamente e os goleiros devem ser treinados para adquirirem essa noção de distâncias.

Resta ainda analisarmos as finalizações direcionada exatamente para os ângulos superiores.

Pelo Teorema de Pitágoras, calculamos a distância do centro da linha de gol ao encontro interno da trave vertical com o travessão horizontal, pois são os dois catetos desse triângulo, um medindo 3.66m e o outro medindo 2,44m e chegamos ao valor de praticamente 4.40m.

Se temos um alcance de altura com impulsão, usando a mesma ação de trazer o pé oposto para impulso e a mão do lado que está vindo a bola de 3.0315, teríamos um espaço inatingível de 1.3695m, o que diminuído do diâmetro da bola, nos deixaria uma distância descoberta de 1.1485m.

Aqui a redução tem que considerar o deslocamento horizontal, ou seja, sobre a linha de gol, de modo que se elimine essa possibilidade e assim, vamos calcular, o valor do cateto inferior do triângulo retângulo formado por uma hipotenusa de 3,66m menos o diâmetro da bola de 0,22m, o que nos daria o valor de 3.44m e o outro cateto de 2,44m e esse valor seria de 2.42m, ou seja, o ponto de partida de salto estaria a 2.42 de distância da trave ou de 1.24m do centro da linha de gol e deve ser marcado também para o ter como referência.

É evidente que a maioria das finalizações possuem até pelo seu movimento giratório, forças de efeitos que podem ser contrárias aos interesses dos goleiros, mas também lhe podem ser favoráveis e esse tipo de coisa é impossível calcular.

Há mais duas coisas que os goleiros têm que treinar, que é jogar com os pés e fazer lançamentos com as mãos, pois ambos podem ser o primeiro lance de um contra-ataque mortífero.

Um goleiro deve saber jogar com os pés em nível de jogador pelo menos regular e tem que fazer essas ações com total segurança e risco praticamente nulo de perder a bola e deve treinar lançamentos com os pés.

 Com as mãos, suas munhecadas devem ser direcionadas em área de posse de seu companheiro e quando isso não for possível, para uma despovoada que permita, mesmo que o adversário obtenha a posse da bola, sua defesa ter tempo suficiente para se recompor.

Deve treinar formação de barreiras e conhecer as formas de cobranças dos batedores adversários.

Seria muito interessante que os treinadores de goleiros consultassem os treinadores de arremessos de disco, para estabelecessem exercícios que aumentassem o alcance desse tipo de lançamento, cuja física nos demonstra que o alcance máximo é obtido com a inclinação de lançamentos a 45 graus, bem como os de salto em altura, com ajuda da pliometria, os exercícios que não só melhorassem o patamar de impulso, mas também os impactos de retorno ao solo provocados pelos saltos.

Nas cobranças de penalidades máximas, observar a angulação dos joelhos do adversário, como também a da cabeça pois ambos movimentos dão um sinal certeiro de onde o pênalti  será cobrado e nunca tentar adivinhar o canto, mas some nte partir para a bola, tão logo perceba seu direcionamento, pois assim só não defenderá aquelas penalidades muito bem batidas ou em que a sorte decidir e são esses casos raros.

 



LUIZ SERGIO CUNHA

FOGÃO V.R.

Desde 01/2012 • 8 anos de CANAL
Volta Redonda/RJ

Garrincha


Em 10/08/2020 às 14:23
 

Muito bom,fica difícil fazer qualquer acréscimo às suas observações,muito precisas.Tem que ter um treinador de goleiros que saiba "traduzir"esses ensinamentos para uma linguagem acessível ao intelecto do jogador.

Enfatizo a questão do goleiro NUNCA pular antes no pênalti,pois assim pode pegar os mal batidos,os grandes pegadores de pênalti assim o fazem(iam); Taffarel, Gatito,etc.

Acho que só faltou lembrar que goleiro brasileiro sai pessimamente do gol,nas bolas cruzadas,um erro que tem de ser muito trabalhado na base,para chegar no profissional com essa característica aprimorada. 

Esse menino Andrew,pelo jogo que vi dele,parece ser bom nesse quesito,vamos aguardar para ver melhor. 



lscunha

Desde 12/2007 • 12 anos de CANAL
Blumenau/SC

Garrincha


Em 10/08/2020 às 15:41
 

na revisão, acrescentei nesse ítem a saída de bola e a matem´patica de distãncias das cobrança de pênaltis.

grato pela sgestão e seria ótimo que outros as fizessem também.

lscunha 





LUIZ SERGIO CUNHA

mvo

Desde o início • 12+ anos de CANAL
Vitória/ES

Garrincha


Em 11/08/2020 às 09:37
 

 

A saída de gol, nas bolas altas, e a saída de bola, numa jogada normal também tem que ser trabalhada posto que, essas qualificações, quando exercidas corretamente é um grande trunfo de toda equipe.

  Outra coisa é não ficar tentando fazer "gracinhas" com jogadas perigosas próximo ä sua área.

 

Abraços 



lscunha

Desde 12/2007 • 12 anos de CANAL
Blumenau/SC

Garrincha


Em 11/08/2020 às 11:47
 

MVO,

perfeitas as suas observações e serão introduzidas,

obrigado pela contribuição.

lscunha 





LUIZ SERGIO CUNHA

mvo

Desde o início • 12+ anos de CANAL
Vitória/ES

Garrincha


Em 11/08/2020 às 17:30
 

Obrigado Iscunha. Abraços 

 
Páginas:

Fórum CANALBOTAFOGO - O Seu portal do Botafogo de Futebol e Regatas