Fórum CANALBOTAFOGO
Tópico de discussão

 
Páginas:
macau
  O Botafogo de Lage (pitacos)

Desde o início • 17+ anos de CANAL
Brasilia/DF

Garrincha


Em 15/08/2023 às 18:25

A equipe alvinegra vem passando por algumas alterações desde a entrada de Bruno Lage.

Alguns resultados de partidas do campeonato brasileiro e, principalmente, da sul-americana criaram um clima de certa instabilidade.

Fato é que boa parte da torcida queria (ainda quer?) a saída do Botafogo da competição internacional e o foco total no campeonato brasileiro.

Isso, pelo menos, até antes da última partida contra o inter, quando Tiquinho ficou fora por lesão e cartão.

O desempenho alvinegro, somado à contratação de Diego Costa, aumentaram a estima da torcida que já defende a briga pela sul-americana.

Mas, o que mudou no Botafogo a partir da chegada de Bruno Lage?

PRIMEIRO - houve um avanço das linhas de marcação alta.

Com isso, as linhas baixas também subiram, de forma a deixar o time mais compacto e evitar espaços livres pro adversário.

O sistema defensivo se posiciona no meio de campo na saída de bola do adversário.

SEGUNDO -  Bruno Lage gosta de jogo vertical, passe de primeira, explorando os flancos ou mesmo o meio, mas passe de primeira, dando velocidade ao ataque.

Ele elogiou muito o gol feito por Tiquinho contra o santos exatamente por este motivo.

Lage gosta muito de jogadas invertidas de modo a pegar o adversário com menos jogadores na marcação.

TERCEIRO - Ao ficar mais alto, o sistema defensivo alvinegro ficou mais exposto, dando pro adversário campo para jogada em alta velocidade.

Pra evitar isso, é necessário impedir que o jogador adversário tenha espaço pra lançar, tal como aconteceu em um dos gols do próprio santos contra nós.

QUARTO - O time é muito ofensivo e chega com muita gente no ataque.

Nos lances de gols do Botafogo temos sempre muita gente na área adversária.

Isso não é novidade porque já ocorria com Luiz Castro, só que agora aumentou o número de jogadores na área do adversário.

QUINTO - Nossos laterais aparecem mais na ponta, especialmente fazendo as jogadas facão, passes nas costas dos adversários.

Na última partida, Hugo e Di Placido fizeram esses tipo de jogadas.                   

 

S A,

Macau 

superstar

Desde 07/2007 • 16 anos de CANAL
RJ

Garrincha


Em 15/08/2023 às 19:53
 

macau disse:

A equipe alvinegra vem passando por algumas alterações desde a entrada de Bruno Laje.

Alguns resultados de partidas do campeonato brasileiro e, principalmente, da sul-americana criaram um clima de certa instabilidade.

Fato é que boa parte da torcida queria (ainda quer?) a saída do Botafogo da competição internacional e o foco total no campeonato brasileiro.

Isso, pelo menos, até antes da última partida contra o inter, quando Tiquinho ficou fora por lesão e cartão.

O desempenho alvinegro, somado à contratação de Diego Costa, aumentaram a estima da torcida que já defende a briga pela sul-americana.

Mas, o que mudou no Botafogo a partir da chegada de Bruno Laje?

PRIMEIRO - houve um avanço das linhas de marcação alta.

Com isso, as linhas baixas também subiram, de forma a deixar o time mais compacto e evitar espaços livres pro adversário.

O sistema defensivo se posaiciona no meio de campo na saída de bola do adversário.

SEGUNDO -  Bruno Laje gosta de jogo vertical, passe de primeira, explorando os flancos ou mesmo o meio, mas passe de primeira, dando velocidade ao ataque.

Ele elogiou muito o gol feito por Tiquinho contra o santos exatamente por este motivo.

Laje gosta muito de jogadas invertidas de modo a pegar o adversário com menos jogadores na marcação.

TERCEIRO - Ao ficar mais alto, o sistema defensivo alvinegro ficou mais exposto, dando pro adversário campo para jogada em alta velocidade.

Pra evitar isso, é necessário impedir que o jogador adversário tenha espaço pra lançar, tal como aconteceu em um dos gols do próprio santos contra nós.

QUARTO - O time é muito ofensivo e chega com muita gente no ataque.

Nos lances de gols do Botafogo temos sempre muita gente na área adversária.

Isso não é novidade porque já ocorria com Luiz Castro, só que agora aumentou o número de jogadores na área do adversário.

QUINTO - Nossos laterais aparecem mais na ponta, especialmente fazendo as jogadas facão, passes nas costas dos adversários.

Na última partida, Hugo e Di Placido fizeram esses tipo de jogadas.                   

 

S A,

Macau 

Reparei isso também Macau.

Acho que o meio de retardar a velocidade de saida de bola adversária é marcar a saída de bola deles em cima não dando espaço para pensar. 



macau

Desde o início • 17+ anos de CANAL
Brasilia/DF

Garrincha


Em 15/08/2023 às 22:01
 

superstar disse:
macau disse:

A equipe alvinegra vem passando por algumas alterações desde a entrada de Bruno Laje.

Alguns resultados de partidas do campeonato brasileiro e, principalmente, da sul-americana criaram um clima de certa instabilidade.

Fato é que boa parte da torcida queria (ainda quer?) a saída do Botafogo da competição internacional e o foco total no campeonato brasileiro.

Isso, pelo menos, até antes da última partida contra o inter, quando Tiquinho ficou fora por lesão e cartão.

O desempenho alvinegro, somado à contratação de Diego Costa, aumentaram a estima da torcida que já defende a briga pela sul-americana.

Mas, o que mudou no Botafogo a partir da chegada de Bruno Laje?

PRIMEIRO - houve um avanço das linhas de marcação alta.

Com isso, as linhas baixas também subiram, de forma a deixar o time mais compacto e evitar espaços livres pro adversário.

O sistema defensivo se posaiciona no meio de campo na saída de bola do adversário.

SEGUNDO -  Bruno Laje gosta de jogo vertical, passe de primeira, explorando os flancos ou mesmo o meio, mas passe de primeira, dando velocidade ao ataque.

Ele elogiou muito o gol feito por Tiquinho contra o santos exatamente por este motivo.

Laje gosta muito de jogadas invertidas de modo a pegar o adversário com menos jogadores na marcação.

TERCEIRO - Ao ficar mais alto, o sistema defensivo alvinegro ficou mais exposto, dando pro adversário campo para jogada em alta velocidade.

Pra evitar isso, é necessário impedir que o jogador adversário tenha espaço pra lançar, tal como aconteceu em um dos gols do próprio santos contra nós.

QUARTO - O time é muito ofensivo e chega com muita gente no ataque.

Nos lances de gols do Botafogo temos sempre muita gente na área adversária.

Isso não é novidade porque já ocorria com Luiz Castro, só que agora aumentou o número de jogadores na área do adversário.

QUINTO - Nossos laterais aparecem mais na ponta, especialmente fazendo as jogadas facão, passes nas costas dos adversários.

Na última partida, Hugo e Di Placido fizeram esses tipo de jogadas.                   

 

S A,

Macau 

Reparei isso também Macau.

Acho que o meio de retardar a velocidade de saida de bola adversária é marcar a saída de bola deles em cima não dando espaço para pensar. 


Sim, Superstar.

Mas isso tem que ser bem feito.

Leva tempo e exige bons treinos.

Tem uns vídeos de aulas do Bruno Lage em que ele mostra um pouco do seu estilo.

São aulas em clubes amadores ou da segunda divisão de Portugal que foram tornados série pela TV. Vi todos pra tentar conhecê-lo melhor.

Acho que já indiquei o link dessas aulas assim que ele foi contratado. 



alvinegro21

Desde 07/2019 • 4 anos de CANAL
Rio de janeir/RJ

Garrincha


Em 16/08/2023 às 14:11
 

tem atletas em alta como o janderson

 

e outros em baixa como o segovinha

 

tem de ver a questão da defesa, pois passou a levar mais gols que com o LC e caçapa.





O BOTAFOGO RESGATOU A DERROTA DAS GARRAS DA VITÓRIA

 

by Scott

macau

Desde o início • 17+ anos de CANAL
Brasilia/DF

Garrincha


Em 16/08/2023 às 18:06
 

Janderson é um bom jogador, mas oscila muito ainda.

Teve uma atuação muito boa contra o inter.

Já Segovinha por enquanto é jogador de meio tempo, o segundo.

Ele e outros ainda estão sendo usados aos poucos para não comprometer o trabalho feito.

Já o fato de o Botafogo ter passado a levar mais gols, é fato.

Mas isso não afetou o desempenho do time.

E ainda nos tornou mais efetivo, passamos a criar mais. 



macau

Desde o início • 17+ anos de CANAL
Brasilia/DF

Garrincha


Em 16/08/2023 às 18:14
 

Outra coisa.

A torcida tem que dar um tempo pros jogadores que oscilam.

Nós tivemos muita paciência com jogadores como o Piazon e até mesmo com o Sauer.

Mas precisamos acompanhar aqueles novos que pouco jogaram ainda.

Carlos Alberto, Janderson, Hernandez e outros tantos.

Boa parte deles vai crescer, senão todos, e vamos precisar muito deles. 



superstar

Desde 07/2007 • 16 anos de CANAL
RJ

Garrincha


Em 16/08/2023 às 19:27
 

Macau,

Botafogo surpreendeu muita gente no 1o turno  com o tipo de marcação que ele fazia na saida de bola do adversário que muitas  vezes ficavam sem  opção e rifavam a bola.

A marcação era eficiente tanto nas linhas altas como nas linhas baixas.

O segredo era ocupar espaço vazio deixado pelos adversários. 



macau

Desde o início • 17+ anos de CANAL
Brasilia/DF

Garrincha


Em 16/08/2023 às 20:44
 

superstar disse:

Macau,

Botafogo surpreendeu muita gente no 1o turno  com o tipo de marcação que ele fazia na saida de bola do adversário que muitas  vezes ficavam sem  opção e rifavam a bola.

A marcação era eficiente tanto nas linhas altas como nas linhas baixas.

O segredo era ocupar espaço vazio deixado pelos adversários. 


Eu sei, mas parece claro que a equipe subiu as linhas, está jogando de forma mais compacta.

E sua defesa mais exposta. 

Não digo que tenha havido uma grande diferença pro que o Luiz Castro fazia, até porque leva tempo e requer mais treino.

Mas pelo que vi dos vídeos do Bruno Lage e do comportamento do Botafogo parece claro que isso ocorreu.

Olha os links que eu reparei, além do que lí e vi do jogo do Botafogo

https://www.youtube.com/watch?v=M2MeewPuhsY

 



macau

Desde o início • 17+ anos de CANAL
Brasilia/DF

Garrincha


Em 16/08/2023 às 20:57
 

macau disse:
superstar disse:

Macau,

Botafogo surpreendeu muita gente no 1o turno  com o tipo de marcação que ele fazia na saida de bola do adversário que muitas  vezes ficavam sem  opção e rifavam a bola.

A marcação era eficiente tanto nas linhas altas como nas linhas baixas.

O segredo era ocupar espaço vazio deixado pelos adversários. 


Eu sei, mas parece claro que a equipe subiu as linhas, está jogando de forma mais compacta.

E sua defesa mais exposta. 

Não digo que tenha havido uma grande diferença pro que o Luiz Castro fazia, até porque leva tempo e requer mais treino.

Mas pelo que vi dos vídeos do Bruno Lage e do comportamento do Botafogo parece claro que isso ocorreu.

Olha os links que eu reparei, além do que lí e vi do jogo do Botafogo

https://www.youtube.com/watch?v=M2MeewPuhsY

 


A série do Bruno Lage na TV de Portugal é chamada Dia de Treino - coloquei este assunto aqui.

Tem 11 episódios e ocorre em 11 campos de diferentes equipes da segunda divisão (ou algo assim) de Portugal.

Neles, Lage expõe aspectos diferentes da tática que defende e ensina.

Aí vai o quarto episódio

https://www.youtube.com/watch?v=QYuWbaEOVCY&t=34s 



sueco

Desde 05/2016 • 8 anos de CANAL
RJ

Profissional


Em 22/09/2023 às 22:09
 

A grande evolução tática do mestre Bruno Lage é mandar o goleiro pra área adversária no final do jogo.

 
Páginas:

Fórum CANALBOTAFOGO - O Seu portal do Botafogo de Futebol e Regatas