Fórum CANALBOTAFOGO
Tópico de discussão

 
Páginas:
macau
  Só desculpas

Desde o início • 12+ anos de CANAL
Brasilia/DF

Profissional


Em 17/04/2021 às 18:17

Botafogo joga muito mal, de novo!!!, e perde pro fluminence

1º tempo

O Botafogo entrou em campo pra não levar gol.

Reforçou a marcação e abriu mão de propor o jogo.

Acontece que essa postura não seguiu uma marcação forte, uma retomada de bola do adversário.

Na realidade, consistiu em ocupar a sua própria intermediária com muita gente e arriscar contra-ataque num lançamento ou algo parecido.

Só que nem isso conseguiu fazer.

 

A equipe mal conseguia sair da defesa e quase não passava do meio de campo.

O time não teve meio de campo nem ataque.

O principal destaque negativo foi Matheus Nascimento, que errou praticamente todas as jogadas de que participou.

Se Chamusca não substituí-lo no intervalo terá algum motivo extra-campo.

Também nessa linha de futebol bisonho estiveram todos os do meio de campo pra frente.

Muitos erros de passe, nenhuma jogada pessoal ou treinada, enfim, nada.

O time só marcou.

Não deu um chute a gol.

Uma bosta! 

E foi só

Fim do primeiro tempo.

2º tempo

Chamusca tira Marco Antônio e coloca Felipe Ferreira.

E mantém a joia Matheus Nascimento, que foi um jogador a menos o tempo todo.

Não demora e Matheus ajuda o adversário, novamente.

Falta contra o Botafogo, nino cabeceia e marca: Fogão 0x1.

Advinha quem estava marcando nino?

Ele mesmo, Matheus Nascimento.

Uma situação do jogo chama muito a atenção: toda bola que nenê pega ele cai e o juiz marca falta.

Chamusca mexe no time e, finalmente, retira Matheus Nascimento.

Demorou demais!!!!

E o Luiz Otávio, heim?

É o cérebro da equipe.

Parece que joga com luva, sempre de forma clássica, mas erra tudo.

Impressionante como alguém apostou nesse bosta!!

O fluminense continua jogando como se fosse um treino.

E o Botafogo bate cabeças o tempo todo; erra muitos passes e mal consegue passar do meio de campo.

Quando passa não sabe o que fazer com a bola.

Após as últimas mexidas, o Botafogo consegue ter mais a posse de bola.

Mas esbarra em suas enormes limitações.

A melhor jogada ofensiva é de Gabriel, que chuta da entrada área. 

A única defesa feita pelo goleiro do fluminence em mais de 90 minutos de jogo. 

E foi só.

Fim do jogo

Melhor em campo: quem conseguiu assistir

Douglas (5) Não teve culpa no gol. Foi pouco acionado.

Jonathan (3) Só defensivo. Foi substituído por Gabriel (sem nota) no final do jogo.

Kanu e Gilvan (6,6) os únicos que mostraram algum futebol.

PV (4) Teve muito trabalho e mostrou pouco serviço.

Rickson (1) Ele não tem culpa de ser jogador, nem de ser escalado.

Luiz Octávio (zero) Que coisa horrorosa!

Ricardinho (1) lento, sem inspiração. Foi substituído por Marcinho (3) que nada fez em campo.

Ronald (1) só correria. Foi substituído por por Ênio (zero) nulo.

Marco Antônio (1) Nulo. Felipe Ferreira (1) Não fez nada de produtivo.

Matheus Nascimento (zero) Errou tudo. Foi substituído por Warley (1) que tem medo de atacar e só atrasa a bola.

Chamusca (zero) Tudo bem que não tem jogadores, mas como demora a mexer!!! Ele tem que cuidar de seu coração, assim como a torcida. Como dá desânimo, raiva mesmo, ver tanto pereba vestindo a camisa que já foi de tantos craques...

Resumindo: esse bando não tem futuro. A cada nova derrota, equipe encontra um motivo pra justificar o lado bom do resultado negativo. Agora é ter tempo pra treinar. Não se tira leite de pedra.

SA,

 

Macau

fams

Desde o início • 12+ anos de CANAL
SP

Garrincha


Em 17/04/2021 às 18:32
 

Pode até ser que não se tire leite de pedra, mas tem muito time com elenco bastante limitado que tem um mínimo de organização. Isso passa pelo técnico. O que fez Chamusca nesses 12 jogos até agora? Nada. A defesa falha, o meio não marca e não cria, o ataque é de nervos. Dizer que Matheus Nascimento falhou na marcação ao zagueiro adversário é atestado de que tudo está errado no Botafogo. As escalações, as mudanças, a insistência com alguns jogadores, os erros de ingicação de jogadores, a falta de qualquer jogada, tudo é marca registrada de Chamusca. Até quando? Onde estão as metas? Os 12 jogos não serviram para competir e também não serviram de treino, pois ele reclama da falta de treinos. Conseguiu ser eliminado em tudo e não conseguiu treinar nada, construir absolutamente nada. FORA CHAMUSCA! Mas contratem um técnico de verdade. Chega de experiências inúteis.

macau

Desde o início • 12+ anos de CANAL
Brasilia/DF

Profissional


Em 17/04/2021 às 18:51
 

fams disse:
Pode até ser que não se tire leite de pedra, mas tem muito time com elenco bastante limitado que tem um mínimo de organização. Isso passa pelo técnico. O que fez Chamusca nesses 12 jogos até agora? Nada. A defesa falha, o meio não marca e não cria, o ataque é de nervos. Dizer que Matheus Nascimento falhou na marcação ao zagueiro adversário é atestado de que tudo está errado no Botafogo. As escalações, as mudanças, a insistência com alguns jogadores, os erros de ingicação de jogadores, a falta de qualquer jogada, tudo é marca registrada de Chamusca. Até quando? Onde estão as metas? Os 12 jogos não serviram para competir e também não serviram de treino, pois ele reclama da falta de treinos. Conseguiu ser eliminado em tudo e não conseguiu treinar nada, construir absolutamente nada. FORA CHAMUSCA! Mas contratem um técnico de verdade. Chega de experiências inúteis.


fams,

Nosso elenco é uma bosta.

Concordo que há outros iguais ou piores que o nosso com alguma organização.

Mas, do meio pra frente, somos muito ruins.

Como disse o Carlos Roberto, não basta contratar jogador de série B.

Tem que contratar jogador bom.

Os nossos não acertam dois passes!!!

Às vezes nem mesmo um só.

Sobre o lance do gol, repare quem está marcando (?) nino.

E é que pela altura, outros jogadores altos estão com os mais altos deles tbm.

Em jogada de bola parada, todos têm que defender.

Com a bola rolando tbm.

Está muito difícil ver qualquer jogo do Botafogo e não retirar nada que se aproveite.

Nada 



FOGÃO V.R.

Desde 01/2012 • 9 anos de CANAL
Volta Redonda/RJ

Garrincha


Em 17/04/2021 às 19:14
 

Fluminense vence clássico em ritmo de treino,poderia ser a manchete de amanhã.

Em que ponto chegamos,somos sparrings dos times mais fortes,que fazem treinos de luxo contra a gente.

Vergonha,vergonhoso demais.

Algo tem que ser feito para a série B 



fams

Desde o início • 12+ anos de CANAL
SP

Garrincha


Em 17/04/2021 às 19:18
 

O pior é ver as entrevistas pós-jogo do Chamusca. Definitivamente, ele vive em mundo paralelo. O Botafogo contratou 12 jogadores. A maioria por indicação dele. E não temos um time sequer razoável. E ele fala que as contratações foram todas avaliadas criteriosamente, apenas não encaixaram. Ele ainda diz que o trabalho está sendo feito e que o time vai melhorar. Ainda defendeu sua escolha por Luiz Otavio. Ou ele vai pedir para renovarem com ele ou sequer tem noção de que o contrato dele termina no próximo jogo. Nos dois casos, a situação é ridícula. Até quando vão insistir com esse cara? Quanto a contratar jogador bom de série A, concordo. Aliás, a ideia inicial era contratar poucos jogadores que fizessem a diferença e mesclar com a base. Mais uma vez, optaram por contratar de baciada. Douglas é razoável, mas não é melhor que Diego. Jonathan é muito limitado. Melhor que Kevin, mas isso não quer dizer nada. Carli espero que continue de animador de vestiário. Gilvan não é melhor que Sousa. Rafael Carioca não dá nem para comentar. Qualquer um é melhor que ele. Ronald não é melhor que Enio ou que Warley. Marcinho, Felipe Ferreira, Marco Antonio, não são pontas e, pelo menos jogando como pontas não são melhores que ninguém. Pedro Castro pode ter sido uma boa contratação, mas ainda precisa ser avaliado nessa bagunça que se tornou o time. Frizzo não é primeiro volante e não é melhor do que os que já estavam. Dos que já estavam, Luiz Otavio espero que a insistência em escalá-lo tenha algum motivo que não seja a renovação de seu contrato. Rickson não é jogador de futebol. Matheus Nascimento ainda é verde. Navarro não dá para ser o único atacante no elenco. Vão contratar? É preciso, mas já deviam ter feito isso. Ler que os atacantes sendo avaliados são Hernane, Rafael Moura e Fernandão, é desesperador, embora eles possam ser considerados melhores do que o que não temos.

fams

Desde o início • 12+ anos de CANAL
SP

Garrincha


Em 17/04/2021 às 19:22
 

Fogão VR,

Tinha pensado que usaríamos os jogos do carioquinha como treinos de luxo, sem pressão por resultados, mas como forma de acertar o time. O resultado é que nem competimos e nem usamos os jogos para treinar, pois o Chamusca considera que faltou tempo para treinar. 12 jogos jogados fora. Não serviram para nada. 



fams

Desde o início • 12+ anos de CANAL
SP

Garrincha


Em 17/04/2021 às 20:03
 

Segundo Chamusca, os objetivos traçados eram (1) ficar entre os 4 no carioquinha - não cumprido; (2) passar de fase na CB - não cumprido. O que falta para ele pedir as contas?

macau

Desde o início • 12+ anos de CANAL
Brasilia/DF

Profissional


Em 17/04/2021 às 20:13
 

fams disse:
O pior é ver as entrevistas pós-jogo do Chamusca. Definitivamente, ele vive em mundo paralelo. O Botafogo contratou 12 jogadores. A maioria por indicação dele. E não temos um time sequer razoável. E ele fala que as contratações foram todas avaliadas criteriosamente, apenas não encaixaram. Ele ainda diz que o trabalho está sendo feito e que o time vai melhorar. Ainda defendeu sua escolha por Luiz Otavio. Ou ele vai pedir para renovarem com ele ou sequer tem noção de que o contrato dele termina no próximo jogo. Nos dois casos, a situação é ridícula. Até quando vão insistir com esse cara? Quanto a contratar jogador bom de série A, concordo. Aliás, a ideia inicial era contratar poucos jogadores que fizessem a diferença e mesclar com a base. Mais uma vez, optaram por contratar de baciada. Douglas é razoável, mas não é melhor que Diego. Jonathan é muito limitado. Melhor que Kevin, mas isso não quer dizer nada. Carli espero que continue de animador de vestiário. Gilvan não é melhor que Sousa. Rafael Carioca não dá nem para comentar. Qualquer um é melhor que ele. Ronald não é melhor que Enio ou que Warley. Marcinho, Felipe Ferreira, Marco Antonio, não são pontas e, pelo menos jogando como pontas não são melhores que ninguém. Pedro Castro pode ter sido uma boa contratação, mas ainda precisa ser avaliado nessa bagunça que se tornou o time. Frizzo não é primeiro volante e não é melhor do que os que já estavam. Dos que já estavam, Luiz Otavio espero que a insistência em escalá-lo tenha algum motivo que não seja a renovação de seu contrato. Rickson não é jogador de futebol. Matheus Nascimento ainda é verde. Navarro não dá para ser o único atacante no elenco. Vão contratar? É preciso, mas já deviam ter feito isso. Ler que os atacantes sendo avaliados são Hernane, Rafael Moura e Fernandão, é desesperador, embora eles possam ser considerados melhores do que o que não temos.


Tem uns jogadores da base que não servem pra muita coisa.

Na melhor das hipóteses, pra emprestar ficar bem distante até que aprendam.

Ênio é um deles. 

Dos reforços pro adversário, Ronald é um desses casos em que nos perguntamos: por quê?

Quem foi o maluco que o indicou? 

Agora, quanta diferença entre a joia de 17 anos dos bambi e a nossa joia, heim? 



gunarfogo

Desde 10/2017 • 3 anos de CANAL
volta redonda/RJ

Garrincha


Em 17/04/2021 às 21:31
 

Mais bizarro e o treineiro admitir na entrevista que os reforços não encaixarem, trocando em miúdos nem ele ta gostando dos jogadores que ele indicou

arbusto

Desde 01/2014 • 7 anos de CANAL
Brasília/DF

Nilton Santos


Em 17/04/2021 às 22:07
 

macau disse:
fams disse:
O pior é ver as entrevistas pós-jogo do Chamusca. Definitivamente, ele vive em mundo paralelo. O Botafogo contratou 12 jogadores. A maioria por indicação dele. E não temos um time sequer razoável. E ele fala que as contratações foram todas avaliadas criteriosamente, apenas não encaixaram. Ele ainda diz que o trabalho está sendo feito e que o time vai melhorar. Ainda defendeu sua escolha por Luiz Otavio. Ou ele vai pedir para renovarem com ele ou sequer tem noção de que o contrato dele termina no próximo jogo. Nos dois casos, a situação é ridícula. Até quando vão insistir com esse cara? Quanto a contratar jogador bom de série A, concordo. Aliás, a ideia inicial era contratar poucos jogadores que fizessem a diferença e mesclar com a base. Mais uma vez, optaram por contratar de baciada. Douglas é razoável, mas não é melhor que Diego. Jonathan é muito limitado. Melhor que Kevin, mas isso não quer dizer nada. Carli espero que continue de animador de vestiário. Gilvan não é melhor que Sousa. Rafael Carioca não dá nem para comentar. Qualquer um é melhor que ele. Ronald não é melhor que Enio ou que Warley. Marcinho, Felipe Ferreira, Marco Antonio, não são pontas e, pelo menos jogando como pontas não são melhores que ninguém. Pedro Castro pode ter sido uma boa contratação, mas ainda precisa ser avaliado nessa bagunça que se tornou o time. Frizzo não é primeiro volante e não é melhor do que os que já estavam. Dos que já estavam, Luiz Otavio espero que a insistência em escalá-lo tenha algum motivo que não seja a renovação de seu contrato. Rickson não é jogador de futebol. Matheus Nascimento ainda é verde. Navarro não dá para ser o único atacante no elenco. Vão contratar? É preciso, mas já deviam ter feito isso. Ler que os atacantes sendo avaliados são Hernane, Rafael Moura e Fernandão, é desesperador, embora eles possam ser considerados melhores do que o que não temos.


Tem uns jogadores da base que não servem pra muita coisa.

Na melhor das hipóteses, pra emprestar ficar bem distante até que aprendam.

Ênio é um deles. 

Dos reforços pro adversário, Ronald é um desses casos em que nos perguntamos: por quê?

Quem foi o maluco que o indicou? 

Agora, quanta diferença entre a joia de 17 anos dos bambi e a nossa joia, heim? 


Total a diferença 

A joia dos bambis joga em um time de futebol treinado por um cara vencedor

A joia do Botafogo joga num amontoado de vermes treinados por um imbecil 



mago08

Desde 10/2008 • 12 anos de CANAL
São Paulo/SP

Mirim


Em 17/04/2021 às 22:35
 

macau disse:
fams disse:
O pior é ver as entrevistas pós-jogo do Chamusca. Definitivamente, ele vive em mundo paralelo. O Botafogo contratou 12 jogadores. A maioria por indicação dele. E não temos um time sequer razoável. E ele fala que as contratações foram todas avaliadas criteriosamente, apenas não encaixaram. Ele ainda diz que o trabalho está sendo feito e que o time vai melhorar. Ainda defendeu sua escolha por Luiz Otavio. Ou ele vai pedir para renovarem com ele ou sequer tem noção de que o contrato dele termina no próximo jogo. Nos dois casos, a situação é ridícula. Até quando vão insistir com esse cara? Quanto a contratar jogador bom de série A, concordo. Aliás, a ideia inicial era contratar poucos jogadores que fizessem a diferença e mesclar com a base. Mais uma vez, optaram por contratar de baciada. Douglas é razoável, mas não é melhor que Diego. Jonathan é muito limitado. Melhor que Kevin, mas isso não quer dizer nada. Carli espero que continue de animador de vestiário. Gilvan não é melhor que Sousa. Rafael Carioca não dá nem para comentar. Qualquer um é melhor que ele. Ronald não é melhor que Enio ou que Warley. Marcinho, Felipe Ferreira, Marco Antonio, não são pontas e, pelo menos jogando como pontas não são melhores que ninguém. Pedro Castro pode ter sido uma boa contratação, mas ainda precisa ser avaliado nessa bagunça que se tornou o time. Frizzo não é primeiro volante e não é melhor do que os que já estavam. Dos que já estavam, Luiz Otavio espero que a insistência em escalá-lo tenha algum motivo que não seja a renovação de seu contrato. Rickson não é jogador de futebol. Matheus Nascimento ainda é verde. Navarro não dá para ser o único atacante no elenco. Vão contratar? É preciso, mas já deviam ter feito isso. Ler que os atacantes sendo avaliados são Hernane, Rafael Moura e Fernandão, é desesperador, embora eles possam ser considerados melhores do que o que não temos.


Tem uns jogadores da base que não servem pra muita coisa.

Na melhor das hipóteses, pra emprestar ficar bem distante até que aprendam.

Ênio é um deles. 

Dos reforços pro adversário, Ronald é um desses casos em que nos perguntamos: por quê?

Quem foi o maluco que o indicou? 

Agora, quanta diferença entre a joia de 17 anos dos bambi e a nossa joia, heim? 



Macau, perdoe-me se interfiro!

Concordo em quase tudo que o Fams disse.

O Botafogo está com jogadores extremamente limitados, fato.

Por outro lado, perdemos a classificação na Copa do Brasil para um time de série D que mereceu ter nos vencido com 3 gols de frente 

nos 90 minutos. Um clube com a folha de pagamento muito inferior à do Botafogo, contudo foi infinitamente em campo.

Agora vamos à situação de declínio: Todos aqui devem se lembrar que no começo, mesmo jogando contra times ruins,

houve uma expectativa de que o time podia melhorar. Warley e PV fizeram bons jogos lá início.

Sem explicação ele sacou o Warley e, em seguida, sacou o PV(bisonhamente) para o Rafael Carioca estrear. Um erro inadimissível.

O que vimos com isso foi que Rafael Carioca é só mais um dos queridinhos dele, nada mais.

Não consegue deixar de escalar o Marcinho(seu maior adorado) e que queremos ver longe do Botafogo.

Quanto ao Ronald, eu havia alertado aqui que tinha feito 5 gols em 38 jogos e não dava para jogar no Botafogo. Não consegue

aproveitar as oportunidades porque não tem qualidade.

O técnico escala mal e não sabe mexer no time. Não tem um plano de jogo consistente. O esquema tático dele não funciona, mas

fica claro que não existe um plano alternativo.

Isso acaba mexendo com a cabeça dos próprios jogadores que já são bem ruins. A confiança que julgavam ter no Chamusca cai por

terra quando percebem que ele não sabe como organizar e conduzir o time. Aí o resultado é o pior dos piores.

Deixei o Nascimento pro final. Esse jogador fez 17 anos em 03 de Março. Com 150 gols na base e destaque inclusive nas seleções até sub17.

O garoto chegou ao Profissional como um camisa 09 versátil, mas um camisa 09. Porém começaram a utilizá-lo fora de sua posição de origem.

O Barroca chegou a usá-lo como ala pela direita fazendo dobradinha com o Kevin. Foi utilizado como ponta direita. Até que por reclamação ou

aclamação da torcida, um dia, o Chamusca o colocou no segundo tempo faltando uns 15 minutos no lugar do Babi. Foi a primeira vez que atuou 

na sua posição de origem. Aliás, onde deveria ter atuado desde que subiu ao profissional. Depois disso continuou como reserva e entrou uma 

ou outra vez no decorrer dos jogos. Até que no jogo anterior a este, entrou como titular. 

O que quero dizer é o seguinte: Se o cara é a maior esperança do clube como jogador de talento não pode iniciar fora de sua posição, além

tudo, com 16 anos de idade. O Botafogo demonstra que não sabe lidar com esse tipo de jogador. Esse tipo de erro frustra o jogador e o

deixa confuso e sem estímulo.  Quem viu o Nascimento na base sabe que ele tem muito talento, mas está muito longe de estar sendo

bem aproveitado e muito menos bem tratado pelo clube. 

Olha o Santos, saiu Kaio Jorge de 19 anos ( com muitos jogos no profissional) lesionado e entrou Marcos Leonardo de 17 anos. Ambos camisas 09

e jogando em suas respectivas posições. Os dois jogadores com gols em libertadores com tão pouca idade.

Acho que não custava o Botafogo ter tratado com mais carinho um tipo de jogador que há muito não se via no clube e iniciá-lo no profissional aos poucos

e em sua respectiva posição de origem. Afinal, um talento no Botafogo acaba sendo, definitivamente, uma Estrela Solitária. Um talento no meio de um

monte de pés de rato. O time é extremamente ruim. Jogar no meio de jogador ruim e ainda sem experiência acaba assimilando a ruindade dos outros. 

E acho que estão atrapalhando a carreira desse garoto no Botafogo. Precisaria ter , pelo menos, mais dois caras bons para ele ter com quem jogar.

 

 



macau

Desde o início • 12+ anos de CANAL
Brasilia/DF

Profissional


Em 17/04/2021 às 22:59
 

mago08 disse:
macau disse:
fams disse:
O pior é ver as entrevistas pós-jogo do Chamusca. Definitivamente, ele vive em mundo paralelo. O Botafogo contratou 12 jogadores. A maioria por indicação dele. E não temos um time sequer razoável. E ele fala que as contratações foram todas avaliadas criteriosamente, apenas não encaixaram. Ele ainda diz que o trabalho está sendo feito e que o time vai melhorar. Ainda defendeu sua escolha por Luiz Otavio. Ou ele vai pedir para renovarem com ele ou sequer tem noção de que o contrato dele termina no próximo jogo. Nos dois casos, a situação é ridícula. Até quando vão insistir com esse cara? Quanto a contratar jogador bom de série A, concordo. Aliás, a ideia inicial era contratar poucos jogadores que fizessem a diferença e mesclar com a base. Mais uma vez, optaram por contratar de baciada. Douglas é razoável, mas não é melhor que Diego. Jonathan é muito limitado. Melhor que Kevin, mas isso não quer dizer nada. Carli espero que continue de animador de vestiário. Gilvan não é melhor que Sousa. Rafael Carioca não dá nem para comentar. Qualquer um é melhor que ele. Ronald não é melhor que Enio ou que Warley. Marcinho, Felipe Ferreira, Marco Antonio, não são pontas e, pelo menos jogando como pontas não são melhores que ninguém. Pedro Castro pode ter sido uma boa contratação, mas ainda precisa ser avaliado nessa bagunça que se tornou o time. Frizzo não é primeiro volante e não é melhor do que os que já estavam. Dos que já estavam, Luiz Otavio espero que a insistência em escalá-lo tenha algum motivo que não seja a renovação de seu contrato. Rickson não é jogador de futebol. Matheus Nascimento ainda é verde. Navarro não dá para ser o único atacante no elenco. Vão contratar? É preciso, mas já deviam ter feito isso. Ler que os atacantes sendo avaliados são Hernane, Rafael Moura e Fernandão, é desesperador, embora eles possam ser considerados melhores do que o que não temos.


Tem uns jogadores da base que não servem pra muita coisa.

Na melhor das hipóteses, pra emprestar ficar bem distante até que aprendam.

Ênio é um deles. 

Dos reforços pro adversário, Ronald é um desses casos em que nos perguntamos: por quê?

Quem foi o maluco que o indicou? 

Agora, quanta diferença entre a joia de 17 anos dos bambi e a nossa joia, heim? 



Macau, perdoe-me se interfiro!

Concordo em quase tudo que o Fams disse.

O Botafogo está com jogadores extremamente limitados, fato.

Por outro lado, perdemos a classificação na Copa do Brasil para um time de série D que mereceu ter nos vencido com 3 gols de frente 

nos 90 minutos. Um clube com a folha de pagamento muito inferior à do Botafogo, contudo foi infinitamente em campo.

Agora vamos à situação de declínio: Todos aqui devem se lembrar que no começo, mesmo jogando contra times ruins,

houve uma expectativa de que o time podia melhorar. Warley e PV fizeram bons jogos lá início.

Sem explicação ele sacou o Warley e, em seguida, sacou o PV(bisonhamente) para o Rafael Carioca estrear. Um erro inadimissível.

O que vimos com isso foi que Rafael Carioca é só mais um dos queridinhos dele, nada mais.

Não consegue deixar de escalar o Marcinho(seu maior adorado) e que queremos ver longe do Botafogo.

Quanto ao Ronald, eu havia alertado aqui que tinha feito 5 gols em 38 jogos e não dava para jogar no Botafogo. Não consegue

aproveitar as oportunidades porque não tem qualidade.

O técnico escala mal e não sabe mexer no time. Não tem um plano de jogo consistente. O esquema tático dele não funciona, mas

fica claro que não existe um plano alternativo.

Isso acaba mexendo com a cabeça dos próprios jogadores que já são bem ruins. A confiança que julgavam ter no Chamusca cai por

terra quando percebem que ele não sabe como organizar e conduzir o time. Aí o resultado é o pior dos piores.

Deixei o Nascimento pro final. Esse jogador fez 17 anos em 03 de Março. Com 150 gols na base e destaque inclusive nas seleções até sub17.

O garoto chegou ao Profissional como um camisa 09 versátil, mas um camisa 09. Porém começaram a utilizá-lo fora de sua posição de origem.

O Barroca chegou a usá-lo como ala pela direita fazendo dobradinha com o Kevin. Foi utilizado como ponta direita. Até que por reclamação ou

aclamação da torcida, um dia, o Chamusca o colocou no segundo tempo faltando uns 15 minutos no lugar do Babi. Foi a primeira vez que atuou 

na sua posição de origem. Aliás, onde deveria ter atuado desde que subiu ao profissional. Depois disso continuou como reserva e entrou uma 

ou outra vez no decorrer dos jogos. Até que no jogo anterior a este, entrou como titular. 

O que quero dizer é o seguinte: Se o cara é a maior esperança do clube como jogador de talento não pode iniciar fora de sua posição, além

tudo, com 16 anos de idade. O Botafogo demonstra que não sabe lidar com esse tipo de jogador. Esse tipo de erro frustra o jogador e o

deixa confuso e sem estímulo.  Quem viu o Nascimento na base sabe que ele tem muito talento, mas está muito longe de estar sendo

bem aproveitado e muito menos bem tratado pelo clube. 

Olha o Santos, saiu Kaio Jorge de 19 anos ( com muitos jogos no profissional) lesionado e entrou Marcos Leonardo de 17 anos. Ambos camisas 09

e jogando em suas respectivas posições. Os dois jogadores com gols em libertadores com tão pouca idade.

Acho que não custava o Botafogo ter tratado com mais carinho um tipo de jogador que há muito não se via no clube e iniciá-lo no profissional aos poucos

e em sua respectiva posição de origem. Afinal, um talento no Botafogo acaba sendo, definitivamente, uma Estrela Solitária. Um talento no meio de um

monte de pés de rato. O time é extremamente ruim. Jogar no meio de jogador ruim e ainda sem experiência acaba assimilando a ruindade dos outros. 

E acho que estão atrapalhando a carreira desse garoto no Botafogo. Precisaria ter , pelo menos, mais dois caras bons para ele ter com quem jogar.

 

 


Sobre o Warley e o PV, estou de acordo.

E tbm concordo com os erros nas opções feitas pelo treinador, tanto no apoio à contratação quanto na escalação.

Mesmo assim, como já dissemos várias vezes, quem está no banco parece sempre melhor do que quem está jogando, tal o baixo nível de nosso grupo. 

Mas a gente tinha outros jogadores que se foram quando PV e Warley estavam em campo.

Bruno nazário, Babi, Pedro Castro e Zé Wellison que, embora não sejam uma brastemp, compunham um grupo, tinham um entrosamento.

Hoje, não temos nenhuma saída de bola, o meio de campo está completamente perdido e o ataque não existe.

Sobre Matheus Nscimento, já concordei com um monte de explicações pro desempenho ruim dele.

Mas chega uma hora que a conta cai no colo dele tbm.

Toda vez que ele pegava a bola o aversário tomava dele.

Ou quando tentamos o único ataque, numa tabela, a bola foi muito mal passada por ele.

Enfim, não aproveitou nenhuma oportunidade que teve. 



fams

Desde o início • 12+ anos de CANAL
SP

Garrincha


Em 18/04/2021 às 00:19
 

Começando pelo Matheus Nascimento, já disse aqui muitas vezes, que um dos problemas é a transição da base para o profissional. Subiu ao profissional com 16 anos, com a missão de ser a solução, colocado em um time além de ruim, totalmente desorganizado. Jogadores novos entram em times organizados e acabam se sobressaindo. Se colocados em times ruins e desorganizados, a tendência é ir ladeira abaixo. Isso que se chama queimar um jogador. Mas tem gente por aqui que acha que isso não acontece.

Quanto ao Chamusca, só ele não sabia que o Nazário ia sair, que o Babi ia sair. Imagino que só ele não sabia que o Zé Welison ia sair, visto que o Botafogo não fez qualquer força para mantê-lo. Da mesma forma, parece que só ele não sabe que o Luiz Otavio vai sair. Daí ele insiste em tentar arrumar o time, que se conseguir, já sabe que o jogador vai sair e vai ter que montar de novo. Ele não fez a menor força para o Marcelo ficar, afinal Carli vem aí em breve. Em resumo, tentar montar o time baseado em jogador que sabidamente vai sair, é burrice e perda de tempo.

contrataram 12 jogadores e ele ainda fala em contratações para qualificar o elenco. Como disse outras vezes, para contratar o cara tem que ser melhor do que os que lá estão. Não gosto do Warley, mas contratar Ronald não acrescenta nada a quem já está lá. Não gosto do Enio, a quem muito elogiaram na base, mas ele não é pior que Ronald ou que Marcinho, Felipe Ferreira, Marco Antônio de pontas. Ricardinho, um ex-jogador em atividade, não pode ser o jogador para organizar e ditar o ritmo de jogo.

por fim, o Chamusca ainda fica irritado quando fazem a pergunta óbvia sobre a queda de rendimento do time a cada jogo. Ele se irrita e ainda diz que discorda dessa tal queda de rendimento.

Fico abismado com tanta incompetência. Mas nem fico mais irritado ou indignado. Tanto faz. Tenho ligado o modo indiferença.



mago08

Desde 10/2008 • 12 anos de CANAL
São Paulo/SP

Mirim


Em 18/04/2021 às 06:23
 

macau disse:
mago08 disse:
macau disse:
fams disse:
O pior é ver as entrevistas pós-jogo do Chamusca. Definitivamente, ele vive em mundo paralelo. O Botafogo contratou 12 jogadores. A maioria por indicação dele. E não temos um time sequer razoável. E ele fala que as contratações foram todas avaliadas criteriosamente, apenas não encaixaram. Ele ainda diz que o trabalho está sendo feito e que o time vai melhorar. Ainda defendeu sua escolha por Luiz Otavio. Ou ele vai pedir para renovarem com ele ou sequer tem noção de que o contrato dele termina no próximo jogo. Nos dois casos, a situação é ridícula. Até quando vão insistir com esse cara? Quanto a contratar jogador bom de série A, concordo. Aliás, a ideia inicial era contratar poucos jogadores que fizessem a diferença e mesclar com a base. Mais uma vez, optaram por contratar de baciada. Douglas é razoável, mas não é melhor que Diego. Jonathan é muito limitado. Melhor que Kevin, mas isso não quer dizer nada. Carli espero que continue de animador de vestiário. Gilvan não é melhor que Sousa. Rafael Carioca não dá nem para comentar. Qualquer um é melhor que ele. Ronald não é melhor que Enio ou que Warley. Marcinho, Felipe Ferreira, Marco Antonio, não são pontas e, pelo menos jogando como pontas não são melhores que ninguém. Pedro Castro pode ter sido uma boa contratação, mas ainda precisa ser avaliado nessa bagunça que se tornou o time. Frizzo não é primeiro volante e não é melhor do que os que já estavam. Dos que já estavam, Luiz Otavio espero que a insistência em escalá-lo tenha algum motivo que não seja a renovação de seu contrato. Rickson não é jogador de futebol. Matheus Nascimento ainda é verde. Navarro não dá para ser o único atacante no elenco. Vão contratar? É preciso, mas já deviam ter feito isso. Ler que os atacantes sendo avaliados são Hernane, Rafael Moura e Fernandão, é desesperador, embora eles possam ser considerados melhores do que o que não temos.


Tem uns jogadores da base que não servem pra muita coisa.

Na melhor das hipóteses, pra emprestar ficar bem distante até que aprendam.

Ênio é um deles. 

Dos reforços pro adversário, Ronald é um desses casos em que nos perguntamos: por quê?

Quem foi o maluco que o indicou? 

Agora, quanta diferença entre a joia de 17 anos dos bambi e a nossa joia, heim? 



Macau, perdoe-me se interfiro!

Concordo em quase tudo que o Fams disse.

O Botafogo está com jogadores extremamente limitados, fato.

Por outro lado, perdemos a classificação na Copa do Brasil para um time de série D que mereceu ter nos vencido com 3 gols de frente 

nos 90 minutos. Um clube com a folha de pagamento muito inferior à do Botafogo, contudo foi infinitamente em campo.

Agora vamos à situação de declínio: Todos aqui devem se lembrar que no começo, mesmo jogando contra times ruins,

houve uma expectativa de que o time podia melhorar. Warley e PV fizeram bons jogos lá início.

Sem explicação ele sacou o Warley e, em seguida, sacou o PV(bisonhamente) para o Rafael Carioca estrear. Um erro inadimissível.

O que vimos com isso foi que Rafael Carioca é só mais um dos queridinhos dele, nada mais.

Não consegue deixar de escalar o Marcinho(seu maior adorado) e que queremos ver longe do Botafogo.

Quanto ao Ronald, eu havia alertado aqui que tinha feito 5 gols em 38 jogos e não dava para jogar no Botafogo. Não consegue

aproveitar as oportunidades porque não tem qualidade.

O técnico escala mal e não sabe mexer no time. Não tem um plano de jogo consistente. O esquema tático dele não funciona, mas

fica claro que não existe um plano alternativo.

Isso acaba mexendo com a cabeça dos próprios jogadores que já são bem ruins. A confiança que julgavam ter no Chamusca cai por

terra quando percebem que ele não sabe como organizar e conduzir o time. Aí o resultado é o pior dos piores.

Deixei o Nascimento pro final. Esse jogador fez 17 anos em 03 de Março. Com 150 gols na base e destaque inclusive nas seleções até sub17.

O garoto chegou ao Profissional como um camisa 09 versátil, mas um camisa 09. Porém começaram a utilizá-lo fora de sua posição de origem.

O Barroca chegou a usá-lo como ala pela direita fazendo dobradinha com o Kevin. Foi utilizado como ponta direita. Até que por reclamação ou

aclamação da torcida, um dia, o Chamusca o colocou no segundo tempo faltando uns 15 minutos no lugar do Babi. Foi a primeira vez que atuou 

na sua posição de origem. Aliás, onde deveria ter atuado desde que subiu ao profissional. Depois disso continuou como reserva e entrou uma 

ou outra vez no decorrer dos jogos. Até que no jogo anterior a este, entrou como titular. 

O que quero dizer é o seguinte: Se o cara é a maior esperança do clube como jogador de talento não pode iniciar fora de sua posição, além

tudo, com 16 anos de idade. O Botafogo demonstra que não sabe lidar com esse tipo de jogador. Esse tipo de erro frustra o jogador e o

deixa confuso e sem estímulo.  Quem viu o Nascimento na base sabe que ele tem muito talento, mas está muito longe de estar sendo

bem aproveitado e muito menos bem tratado pelo clube. 

Olha o Santos, saiu Kaio Jorge de 19 anos ( com muitos jogos no profissional) lesionado e entrou Marcos Leonardo de 17 anos. Ambos camisas 09

e jogando em suas respectivas posições. Os dois jogadores com gols em libertadores com tão pouca idade.

Acho que não custava o Botafogo ter tratado com mais carinho um tipo de jogador que há muito não se via no clube e iniciá-lo no profissional aos poucos

e em sua respectiva posição de origem. Afinal, um talento no Botafogo acaba sendo, definitivamente, uma Estrela Solitária. Um talento no meio de um

monte de pés de rato. O time é extremamente ruim. Jogar no meio de jogador ruim e ainda sem experiência acaba assimilando a ruindade dos outros. 

E acho que estão atrapalhando a carreira desse garoto no Botafogo. Precisaria ter , pelo menos, mais dois caras bons para ele ter com quem jogar.

 

 


Sobre o Warley e o PV, estou de acordo.

E tbm concordo com os erros nas opções feitas pelo treinador, tanto no apoio à contratação quanto na escalação.

Mesmo assim, como já dissemos várias vezes, quem está no banco parece sempre melhor do que quem está jogando, tal o baixo nível de nosso grupo. 

Mas a gente tinha outros jogadores que se foram quando PV e Warley estavam em campo.

Bruno nazário, Babi, Pedro Castro e Zé Wellison que, embora não sejam uma brastemp, compunham um grupo, tinham um entrosamento.

Hoje, não temos nenhuma saída de bola, o meio de campo está completamente perdido e o ataque não existe.

Sobre Matheus Nscimento, já concordei com um monte de explicações pro desempenho ruim dele.

Mas chega uma hora que a conta cai no colo dele tbm.

Toda vez que ele pegava a bola o aversário tomava dele.

Ou quando tentamos o único ataque, numa tabela, a bola foi muito mal passada por ele.

Enfim, não aproveitou nenhuma oportunidade que teve. 



Bom, esta é a última vez que falo em defesa deste jogador.

Na minha opinião, a bola só chega quadrada para o Nascimento. Isso quando chega.

Fica uma impressão de que os jogadores tem uma certa birra em tocar a bola para ele.

Já observei várias situações em que tiveram oportunidade de tocar nele livre ou em uma infiltração e não tocaram.

 Além disso, não temos jogadores de velocidade pelas extremas. Os dois únicos extremos de velocidade que temos são

Ronald(inoperante até o momento) e Warley(que não é bom, mas menos ruim que os outros). Aí fica mais difícil do centro avante

jogar.

Bom ou não, temos um único lateral direito que precisa de rodízio senão logo saírá contundido.

Como foi dito, com esse meio campo não vamos muito longe. Ainda há o enervante toque de lado e para trás enre meio campistas e zagueiros.

 A coisa está mais feia do que pensamos! Não sei aonde esse time pode chegar. Quem sabe esse jogadores recebem um choque de garra e nos surpreende! kkkkk

Finalizando, eu ainda continuo acreditando no Nascimento e digo mais se estivesse no Santos seria o titular disputando posição com Kaio Jorge e 

Marcos Leonardo porque tem velocidade, altura, ótimo domínio de bola e ótima finalização. Ele não perdeu essas qualidades ao subir para o profissional, só precisa de motivação

e mais qualidade ao lado dele.

Saudações botafoguense! Que tragam logo um treinador de verdade e o nosso time chegue ao menos em 4º na Série B.



Nicanor Passos

Desde 09/2020
Goiânia/GO

Garrincha


Em 18/04/2021 às 08:38
 

fams disse:
O pior é ver as entrevistas pós-jogo do Chamusca. Definitivamente, ele vive em mundo paralelo. O Botafogo contratou 12 jogadores. A maioria por indicação dele. E não temos um time sequer razoável. E ele fala que as contratações foram todas avaliadas criteriosamente, apenas não encaixaram. Ele ainda diz que o trabalho está sendo feito e que o time vai melhorar. Ainda defendeu sua escolha por Luiz Otavio. Ou ele vai pedir para renovarem com ele ou sequer tem noção de que o contrato dele termina no próximo jogo. Nos dois casos, a situação é ridícula. Até quando vão insistir com esse cara? Quanto a contratar jogador bom de série A, concordo. Aliás, a ideia inicial era contratar poucos jogadores que fizessem a diferença e mesclar com a base. Mais uma vez, optaram por contratar de baciada. Douglas é razoável, mas não é melhor que Diego. Jonathan é muito limitado. Melhor que Kevin, mas isso não quer dizer nada. Carli espero que continue de animador de vestiário. Gilvan não é melhor que Sousa. Rafael Carioca não dá nem para comentar. Qualquer um é melhor que ele. Ronald não é melhor que Enio ou que Warley. Marcinho, Felipe Ferreira, Marco Antonio, não são pontas e, pelo menos jogando como pontas não são melhores que ninguém. Pedro Castro pode ter sido uma boa contratação, mas ainda precisa ser avaliado nessa bagunça que se tornou o time. Frizzo não é primeiro volante e não é melhor do que os que já estavam. Dos que já estavam, Luiz Otavio espero que a insistência em escalá-lo tenha algum motivo que não seja a renovação de seu contrato. Rickson não é jogador de futebol. Matheus Nascimento ainda é verde. Navarro não dá para ser o único atacante no elenco. Vão contratar? É preciso, mas já deviam ter feito isso. Ler que os atacantes sendo avaliados são Hernane, Rafael Moura e Fernandão, é desesperador, embora eles possam ser considerados melhores do que o que não temos.
Sim pra tudo.


fams

Desde o início • 12+ anos de CANAL
SP

Garrincha


Em 18/04/2021 às 11:08
 

Quando leio no fogãonet que o Chamusca pensa em usar os jogos da Taça Rio como treinos para a série B, entendo que ele estava pensando em disputar o carioquinha. Socorro. Quando leio que a apatia do Botafogo preocupa com a falta de norte do time, não preciso nem pensar muito de quem é a culpa. Com tanta gente ruim em volta, com a falta de definição de como o time vai jogar, aos poucos vão minando o Matheus Nascimento. Fico imaginando o Chamusca no vestiário escalando o Matheus Nascimento e passando como orientação: va lá e resolve.

FOGÃO V.R.

Desde 01/2012 • 9 anos de CANAL
Volta Redonda/RJ

Garrincha


Em 18/04/2021 às 13:09
 

E mais uma característica cruel no nosso time.Os jogadores que se machucam normalmente são os mais úteis,nem vou falar do Gatito,o Pedro Castro estava sendo o melhorzinho do meio,machuca o joelho,o Frizzo era o menos ruim,machuca,o Navarro entrou cheio de gás,fazendo gol...machuca.

Enquanto isso Luís Otávio,Marcinho,Felipe Ferreira tem uma saúde de ferro,kkk.

Quanto ao técnico,quantos nomes já passaram por aqui desde a saída do Autuori?Ninguém consegue arrumar minimamente o time,ontem claramente os jogadores estavam assustados,a bola queimava no pé deles,esse Ricardinho foi uma decepção,erra muito pra quem joga no meio.

Não vejo como o Chamusca reverter isso em 30 dias para estreiar na série B. 



macau

Desde o início • 12+ anos de CANAL
Brasilia/DF

Profissional


Em 18/04/2021 às 17:41
 

Reconheço que a equipe tem piorado.

Reconheço os erros do treinador, bem expostos aqui.

Mas, ano passado trocamos treinador e não mudou nada.

Só passamos a ter mais dívidas trabalhistas.

Precisamos de jogador, pra começar.

Nenhum treinador conseguiria fazer muita coisa com esse time que entrou em campo ontem.

 



fams

Desde o início • 12+ anos de CANAL
SP

Garrincha


Em 19/04/2021 às 12:34
 

Macau,

por isso defendo estabelecimento de metas e cobranças de cada meta periodicamente. Promessa não cumprida? Rua. Isso deveria estar em contrato. Mas aí, o lobby dos técnicos que se sentem sempre prejudicados, mesmo recebendo muitas vezes de 3, 4 times diferentes, conseguem aprovar um absurdo que é o limite de técnicos em um campeonato. Premia-se a incompetência sem nenhuma contrapartida. 



macau

Desde o início • 12+ anos de CANAL
Brasilia/DF

Profissional


Em 19/04/2021 às 13:42
 

fams disse:

Macau,

por isso defendo estabelecimento de metas e cobranças de cada meta periodicamente. Promessa não cumprida? Rua. Isso deveria estar em contrato. Mas aí, o lobby dos técnicos que se sentem sempre prejudicados, mesmo recebendo muitas vezes de 3, 4 times diferentes, conseguem aprovar um absurdo que é o limite de técnicos em um campeonato. Premia-se a incompetência sem nenhuma contrapartida. 


fams,

Não conheço situação como a que vc sugere com nenhum bom treinador. 

Sei que todos recebem metas, objetivos e resultados a serem alcançados.

Mas há uma série de aspectos que inteferem nesse contrato.

Por exemplo, quem vai ser contratado? Quem será vendido? Salário em dia? equipe de trabalho, DM, infraestrutura?

Acho que quem se submeter a este tipo de contrato, caso seja bom, vai cobrar contrapartida.

No caso do Botafogo, podemos confirmar a exietência dessas contrapartidas ou nem pensar?

Volto a dizer, está claro que são cada vez piores os resultados do Botafogo, assim como o futebol que a equipe tem apresentado.

Mas a culpa não é só do Chamusca.

E já vimos esse filme recentemente. 

 

 



fams

Desde o início • 12+ anos de CANAL
SP

Garrincha


Em 19/04/2021 às 14:58
 

Mas alguém tem que ser o primeiro a fazer isso. Além do que, qual foi o último técnico de verdade que tivemos? Autuori? Esse não cobrou para sair. Pediu para sair. O argentino que sequer estreou? Esse tinha uma cláusula que o Botafogo usou para rescindir o contrato. Esse também não saiu cobrando o Botafogo. Quem sempre cobra são os pseudo-técnicos.

 
Páginas:

Fórum CANALBOTAFOGO - O Seu portal do Botafogo de Futebol e Regatas